terça-feira, 1 de março de 2011

“FESTA NO INTERIOR”


Sexta-feira passada (25/02/11) foi o niver do meu único tio, o mais gordinho de todos...hehehehe...tio Arnaldo. Ano passado quando eu estava ainda em São Paulo me recuperando da cirurgia que fiz pra consertar minha coluna e todo o trauma por qual passei, ele acabou comprando um sítio que fica aproximadamente a uns 80 km de distância de Boa Vista, sentido município de Alto Alegre. Um lugar muito bonito, aliás, Roraima tem muitos lugares lindos para se visitar como as Corredeiras do Bem Querer no sul do Estado, Tepequém com suas cachoeiras e ecoturismo, Pedra Pintada, Uiramutã (cachoeiras também) e outros lugares que agora não me recordo no momento...hehehehe.


Meu tio resolveu comemorar seu niver no sítio sábado dia 26/02/11 e a grande pequena família esteve presente (pelo menos a metade...umas 5 pessoas...hehehehe...brincadeirinha...também não é assim tão pequena nossa família né...rsrsrsrs) para prestigiar essa data comemorativa tão importante que é o nosso nascimento. 
 
Fomos o primeiro a chegar, minha mãe e eu, logo em seguida chegaram tia Detinha, Cristina e a vovó, depois o Neto, Paulinha e Amanda, e em seguida, Laurinha, tia Zeny, Deínha e as crianças, minha afilhada linda Dani e a Ana Carolina mais conhecida como “pirulito”...hehehehe.


Para o prato principal foi preparado um churras “dá hora” e quem fez o churrasco foi meu primo Neto (mas eu o chamo de Netim...hehehehe). No cardápio tínhamos Picanha, Maminha, Bistequinha e Lombo de Porco, Tucunaré (isso é peixe viu), fora os acompanhamentos. E não é porque é meu primo não, mas ele é especialista no churras, o cabra é um perfeito gaúcho só falta a bombacha...kkkkkkkkkkkk (éééé, eu bagunço pra caramba com ele, deixa só ele ver isso...hehehehe).

Tinha também uma cachacinha com frutas que meu tio preparou e deixou curtindo por vários dias para os amantes de uma boa pinga. Eram duas, de abacaxi e caju. Não sei qual era das duas a mais cheirosa. Eu não sou amante de cachaça, prefiro uma cervejinha bem gelada, mas fiquei doido para experimentá-las de tão cheirosas que estavam. Um dia irei experimentá-las, mas não estou bebendo e nem me faz falta a bebida.


 Depois da “comilança” fomos para o igarapé que passa bem pertinho da casa. Netim e Lautinha foram me levando com minha possante cadeira de rodas até a beira do igarapé. O terreno arenoso e íngreme dificultava ainda mais nosso trajeto, mas com todas as dificuldades, chegamos lá. Todos queriam que eu entrasse na água, fiquei quase com os pés n’água, mas eu tive receio (pra não dizer medo), ainda não estou preparando psicologicamente para enfrentar mais esse novo desafio e a água fria poderia atrapalhar muito meu equilíbrio por causa dos espasmos (espasmos + frio = incompatibilidade), mas é só eu criar um pouco mais de coragem que um dia eu dou meus mergulhos.

Passamos a tarde toda à beira do igarapé conversando e contando “causos”, piadas e outros e vários assuntos relevantes. O único ponto negativo era os “piuns”. Esclarecendo, “piuns” são insetos do “tipo” mosquito, mas bem pequenininhos (parecem pontinhos negros que nem sinais no corpo) que quando ferram dá uma coceira sem tamanho. Fora isso a diversão foi impar e minha RA já viu né...foi pro espaço...hehehehehe.

É muito bom estar ao lado da família e esses momentos temos que aproveitar como se fosse o último porque depois por que passei, onde quase deixei o plano terrestre para seguir o espiritual, passei a valorizar ainda mais esses momentos com quem amo, só faltou minha gata que não pode ir, mas oportunidades não irão faltar.






OBRIGADO A MINHA FAMILIA POR SEMPRE ACREDITAR NA RECUPERACAO DESSE DOIDIM AQUI...BEIJO A TODOS...EU OS AMO.


Um grande abraço a todos.
 

11 comentários:

  1. Tá gordinho heim Lulinha... Tá bom de praticar um esporte viu kkkkkkkkkkkkk...

    A família é a base de tudo... Você vai precisar muito dela nessa sua recuperação... Abs

    Paulinho

    ResponderExcluir
  2. Hummmm amigo, me deu água na boca esse churrasco. Muito bacana você partilhar desses momentos em família. Isso não tem preço né.

    Bjo grande da L@ine.

    ResponderExcluir
  3. Que linduuu Luiz!!!!

    É bom mesmo, estar perto da família, curtir cada momento que sempre é único... Ah!!! Adorei a fotinho, você de meias ficou hiper, mega fofo!!!
    haha... Qualquer dia vem passa um final de semana aqui no Sul, pertinho rsrsrsr... Aqui tbm tem lugares lindos, você não irá se arrepender... rsrsr
    Bjos!!! ;)

    ResponderExcluir
  4. nem convida ne?hauhauhauahuahau

    ResponderExcluir
  5. Adorei ver vc passeando com sua família!
    A família é nossa base... tudo que somos devemos a ela. Percebo que vc tem o privilégio de ter uma família bem estruturada e isso hj em dia é raro. Aproveite e valorize mesmo esses momentos, pois são especiais e valiosos. Adorei as fotos! Continua um gato. Bjus. Shirley

    ResponderExcluir
  6. "...“tipo” mosquito, mas bem pequenininhos (parecem pontinhos negros que nem sinais no corpo) que quando ferram dá uma coceira sem tamanho. Fora isso a diversão foi impar e minha RA já viu né...foi pro espaço...hehehehehe."
    PARECE A KEKEL kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Que bom te ver animadão num churras com a família. Sinceramente? Ganhei meu dia viu meu lindinho. Que bom te permitires viver. Te admiro muito e cada vez mais.
    Ah, faltou a gata, mas se carregou no core, ela tb estava presente.

    Toda paz do mundo para vc, seu amor e sua família neste carnaval.

    VAMOS DEIXAR A RA PARA DEPOIS NÉ? KKKKKKKKK
    MENINO, EU MESMO MEREÇO UMA SURRA KKKKKKKKKK

    BEIJOS, BEIJOS, BEIJOSSSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  7. Psiu, mocinho do nordeste hehehehe
    Tem selinhos para vc neste endereço:
    http://escolasinclusivas.blogspot.com/2011/03/selinhos-da-caroluhuuuuuuuuuuu.html

    ResponderExcluir
  8. Momentos em familia são únicos e merecem ser vividos intensamente! Sempre que puder aproveite-os!!
    Abraço.
    Auribete.

    ResponderExcluir
  9. Verdade Luiz. Temos que valorizar nossa família sempre sempre, é nossa base, nosso esteio..também amo a minha buscapé..hehehe!!
    Ri da parte do texto que fala dos 'piuns'..kkkkkk!!!Eu chamo de pernilongo..rs..

    Beeeijos

    ResponderExcluir
  10. Tu mata a gente de saudades das tuas aventuras e PRINCIPALMENTE DE VC NÉ?

    MAGOEI ;(

    Vim bronquear hoje, sentiu? hehehehehehehe

    ResponderExcluir
  11. que familia linda.....

    ResponderExcluir